CONSULTORA DE VIAGENS / Ana Paula +51-959148222

E-MAIL/ atendimento@perugrandtravel.com

Cusco

Cusco é uma cidade de muita cultura, história e tradição e apresenta a seus visitantes inúmeras atrações dignas de se admirar. Pelas ruas da cidade pode-se observar uma mescla de edificações andinas e espanholas. Durante a época inca, diz-se que esta cidade era parte integrante do centro político, econômico e administrativo mais importante de Tawantinsuyo. Além disso, foi declarada patrimônio da Nação em 1983 e, no mesmo ano, como patrimônio cultural da humanidade pela UNESCO. Envolva-se pela magia desta cidade e descubra uma das maravilhas do mundo, Machu Picchu.

Localização

Cusco está situada ao sul dos Andes peruanos, a 3400m sobre o nível do mar. Declarada capital histórica do Peru é rodeada de montanhas chamadas apus (deuses tutelares considerados protetores da cidade).

Clima

O clima da cidade de Cusco muda muito durante o dia, apresentando três tipos de clima podendo estar ensolarado, chover torrencialmente e fazer muito frio seco de um momento ao outro. Durante todo o ano podemos encontrar dois tipos de estações: a temporada seca, de maio a outubro, onde junho e julho são os meses mais ensolarados e a temporada de chuvas de novembro a abril, sendo janeiro e fevereiro os meses com chuvas mais intensas. Por último consideramos que não importa a época que você visite Cusco, sempre haverá lindos lugares para se visitar.

Altitude

Cusco está situado a cerca de 3400m sobre o nível do mar e é considerada uma das cidades mais altas do mundo.

Como chegar

Para se chegar à cidade de Cusco podemos encontrar três vias de acesso: via aérea com seu aeroporto internacional Velasco Astete, via terrestre por diferentes estradas que se comunicam com o interior do país com Cusco e a via férrea, uma rota de ingresso à cidade. Os trens ligam as cidades de Cusco, Puno e Arequipa.

Melhor época

Cusco pode ser visitado o ano todo, porém nos meses de junho a outubro, as semanas anteriores ao Natal e Ano Novo, são alta temporada. Cusco é procurado por ser uma cidade turística com muitas festas e comemorações.

Principais atrações turísticas

A cidade de Cusco, antiga capital do império inca, é sem dúvida um dos destinos mais importantes do país com belos lugares dentro e fora da cidade. A seguir apresentaremos algumas atrações que você pode visitar durante sua estadia:

Machu Picchu
Uma das maiores atrações que Cusco possui. Considerada uma das 7 maravilhas do mundo que nos faz sentir orgulhosos por fazer parte de nossa cultura. Localizado no pueblo de Machu Picchu (Águas Calientes), na província de Urubamba seu acesso já representa uma aventura.
Choquequirao
Situado no distrito de Santa Teresa, província de La Convención, aos pés do nevado Salcantay, impressiona pela majestosidade da arquitetura inca com plataformas, praças, recintos, grandes muros com nichos e outras construções. O clima é propício para as duras caminhadas acompanhadas de uma beleza natural exuberante em sua flora e fauna, são esperados durante o passeio.
Sacsayhuamán
Situado bem próximo do centro da cidade de Cusco é uma mostra evidente da maestria da civilização inca no trabalho da arquitetura em pedra. É um destino obrigatório para todos que visitam Cusco. Sua construção e a história que o involve o impressionarão.
Qoricancha
É o templo mais importante de Cusco, situado próximo à praça central da cidade. Hoje é sede do Convento de Santo Domingo e foi o lugar mais importante da capital inca. Seu nome, originalmente era Inti Kancha e indica que era consagrado ao deus Sol (Inti) e também a outras deidades como à Lua ou às estrelas, por isso era considerado o centro de culto mais importante da época.
Outras atrações da cidade
Sua emblemática Plaza de Armas, coração da cidade e onde encontramos a Catedral de Cusco, bem próximo fica o Convento e Igreja das Mercedes, outro templo de importância histórica assim como a Igreja da Companhia. Outro destino preferido dos turistas é o bairro de San Blas onde encontramos os melhores artesanatos da cidade e, por último, não poderíamos deixar de mencionar a Rua Hatun Rumiyuq, onde está localizado o Palácio Arcebispal, outrora palácio do Inca Orca e lugar onde se encontra a famosa pedra dos 12 ângulos. Não deixe de se encantar com tudo o que Cusco pode oferecer. Você só precisa observar e ficará fascinado.

Datas especiais

Cusco possui diversas festividades durante os 365 dias do ano. Certamente existem datas singulares que fazem da viagem à capital dos Incas uma experiência mágica. A seguir as mais representativas:

  • Carnavales é uma festa celebrada geralmente em fevereiro ou início de março, em Cusco e em todo o Peru.
  • Festa e peregrinação do Senhor de Qoyllur Rit’i é uma das festas religiosas mais fervorosas e antigas da região de Cusco (mais de 2 séculos). Celebrada no povoado de Ocongante, província de Quispicanchis no final de maio e início de junho.
  • Corpus Christi é a festividade religiosa mais importante da cidade de Cusco. Comemorada no final de maio ou início de junho, sempre numa 5ª feira. Esta celebração consiste em uma procissão dos quinze principais santos e virgens pela cidade.
  • Inti Raymi, a festa do Sol (Inti Raymi), é uma festividade que rende culto ao sol, deus inca, todo o 24 de junho durante o início do solstício de inverno. Esta comemoração se caracteriza por reivindicar a antiga tradição inca representando os ritos ancestrais em seus lugares sagrados como Sacsayhuamán, Qoricancha e Plaza de Armas de Cusco.
  • O Natal, comemorado em muitos países adquire um matiz tradicional em Cusco. Em 24 de dezembro, presta-se homenagem ao menino Manuelito (representação do menino Jesus) com a festa do Santurantikuy, a feira de artesanato mais importante da região.
  • O Ano Novo em Cusco e Machu Picchu É uma festa de muita alegria. A festa anterior à meia-noite é similar às comemorações que se realizam no resto do mundo. Os turistas e população local festejam com fogos de artifício, dando voltas na praça de mãos dadas. À meia-noite, a noite cusquenha é uma das mais animadas e inesquecíveis do Peru.

Gastronomia

A comida de Cusco traz a tradição andina e espanhola na preparação de suas iguarias. É uma mistura de duas tendências que se combinam dando um refinamento a pratos realmente deliciosos. A seguir algumas iguarias:

  • “Timpo” (voz quichua timpu: ferver), deliciosa sopa, puchero preparado com um pedaço de peito de carne cozido, cabeça de carneiro, toucinho, repolho, batata, batata desidratada, grão de bico, arroz, batata doce, pêssegos, peras e mandioca. O caldo é servido separado das outras coisas que são cobertas sobre o prato com folhas de repolho.
  • “Chuño cola”, deliciosa iguaria de origem inca elaborada com caldo de carne, arroz, salsichas, grão de bico, batata e “chuño”. Este prato é ingerido com concha de pau, chamada “huisilla”. O “chuño” é a batata seca ao sol.
  • “Queijo Kapche” (Kapche cheese), iguaria preferida nos meses de novembro e dezembro, preparado com favas verdes, batata, leite, ovos, queijo e pimenta com cebola, alho e manteiga para decorar. Servido com arroz.
  • “Cozido de porquinho de índia (cuy) ou coelho”, prato preparado com pedaços de porquinho da índia ou coelho fritos em azeite abundante. Acompanha cebola, pimenta colorida e milho. Servido com arroz e batatas “salcochadas”.
  • “Chincharron (torresmo) com mote” porco frito em sua própria gordura, servido com semolina ou milho doce.
  • “Adobo”, porco condimentado em chicha e especiarias e cozido em panela de barro.
  • “Olluco com carne”, guizado de “olluco” com charque ou carne de lhama.

Dicas

Devido à altitude da cidade, 3399msnm, a digestão dos alimentos pode ser mais lenta do que o normal. Por isso recomenda-se aos turistas recém-chegados que ao menos esperem um dia para comer comidas muito condimentadas, já que pode ser um fator para ter o “soroche”, o famoso mal de altitude. Recomenda-se também somente beber água engarrafada.